Confira quais são os instrumentos mais difíceis de tocar

Criança tocando harpa
3 minutos para ler

Você já se perguntou quais são os instrumentos mais difíceis de tocar? Neste artigo, mostraremos o que um instrumento musical precisa para ser considerado difícil de tocar e listamos os principais.

No entanto, não significa que é necessário desistir de aprender, mas sim, é interessante saber os desafios que o esperam. Acompanhe!

O que um instrumento precisa para ser considerado difícil de tocar?

São diversos fatores que determinam que um instrumento é difícil de aprender a tocar. O principal, é a própria estrutura do equipamento. Existem alguns que exigem um manuseio correto e exato para que a sonoridade seja emitida com qualidade.

Até mesmo o peso de alguns instrumentos pode ser uma dificuldade para quem deseja se desenvolver nele. Outro detalhe que faz alguns instrumentos mais difíceis de tocar é encontrar tempo suficiente para estudá-los.

Por fim, muitos dos instrumentos que descreveremos a seguir não são tão populares, tanto de se ver em apresentações quanto de se ouvir em músicas produzidas no Brasil. Isso acaba afastando as pessoas desses equipamentos, fazendo com que a sonoridade deles seja algo desconhecido por muitas pessoas.

Quais são os instrumentos mais difíceis de tocar?

Entendendo o que faz de um instrumento mais difícil de tocar, mostraremos quais são os principais. Acompanhe!

Gaita de Fole

Homem tocando gaita de fole

A dificuldade da Gaita de Fole está mais presente na força exigida para tocar o instrumento, dividindo essa tarefa com as notas que são feitas em pequenos orifícios que se parecem muito com a gaita tradicional.

Flautim

Flautim

O Flautim ou Piccolo é um instrumento bastante raro e complexo para aprender. A pequena dimensão do seu tubo exige sopros muito precisos. Além disso, as chaves em que as notas são feitas se encontram com muita proximidade uma das outras, o que dificulta ainda mais.

Oboé

Homem tocando oboé

O Oboé é um instrumento que requer muita habilidade respiratória e uma embocadura (modo em que os lábios e dentes são apoiados no bocal) perfeita para garantir que o instrumento emita toda a sua beleza de sonoridade.

Trompa

Trompa

Um dos principais desafios para quem quer aprender a tocar trompa é produzir as notas. Muitas delas são feitas com a pressão exercida na boca contra o bocal, fazendo alguns ajustes nos 3 pistos, únicos botões que existem no instrumento. Nesse sentido, o músico precisa ter um ouvido muito bom para não tocar desafinado.

Harpa

Homem tocando harpa

A dificuldade da Harpa fica por conta do seu tamanho, o que gera dificuldade de locomoção, exigindo que o instrumentista tenha o equipamento em sua casa para estudar com disciplina. Além disso, ela possui 47 cordas, o que também é um desafio para quem está aprendendo.

Violino

Homem tocando violino

O Violino, apesar de popular no Brasil, é muito difícil de ser tocado. As principais dificuldades são a posição, a proximidade das cordas e o braço totalmente liso, sem marcação das casas. Além desses fatores, a pessoa que está aprendendo pode estranhar o uso do arco, incomum em outros instrumentos.

Por fim, podemos concluir que os instrumentos mais difíceis de tocar, de fato, são desafiadores para quem deseja aprender. Entretanto, isso não significa que sejam impossíveis. Com muito estudo e dedicação você tem grandes chances de extrair excelentes sonoridades do seu equipamento.

Gostou deste artigo? Para ficar por dentro de todas as novidades do nosso site siga os nossos perfis nas redes sociais, estamos no Facebook e Instagram.

Você também pode gostar

Deixe um comentário